Teresina - PI

Min 22ºMax 37º

21 de setembro de 2018

Floriano

Floriano

Felipe Nascimento Notícias de Floriano e Região

[email protected]

(89) 99413-1424

Postada em 03/05/2018 ás 21h37
Gustavo Neiva elogia decisão do TCU sobre operações de crédito do governo
Gustavo Neiva elogia decisão do TCU sobre operações de crédito do governo

Publicada por: Felipe Nascimento

Gustavo Neiva elogia decisão do TCU sobre operações de crédito do governo

deputado Gustavo Neiva

O deputado estadual Gustavo Neiva (PSB) comentou da tribuna decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), que, segundo ele, atesta a veracidade dos fatos denunciados pela oposição sobre empréstimo do Estado junto à Caixa Econômica Federal. Neiva destacou como ponto mais importante da decisão do TCU a determinação para que a Caixa não libere a segunda parcela do empréstimo de R$ 600 milhões antes que seja aceita a prestação de contas da primeira.

Gustavo Neiva considerou também importante a determinação do TCU para que uma vez liberada a segunda parcela do empréstimo o mesmo seja depositado na conta convênio, e não mais na conta única do Estado, para que os pagamentos pelas obras realizadas sejam feitos diretamente nas contas das respectivas empresas ganhadoras das licitações. O orador agradeceu ao deputado federal Rodrigo Martins, autor da representação junto ao TCU, que serviu para mostrar que a oposição está correta.

O deputado Rubem Martins (PSB), em aparte, disse se sentir orgulhoso pelo trabalho do colega no sentido de esclarecer as falhas do governo em relação ao empréstimo. Lamentou, contudo, uma nota divulgada pelo deputado federal Marcelo Castro (MDB-PI), em que responsabilizará a oposição se a segunda parcela do empréstimo não for liberada.

Outro que ofereceu aparte foi o deputado Edson Ferreira (PSDB), que considera o governo Wellington Dias encerrado diante do que está sendo provado sobre os desvios dos recursos do empréstimo. Para ele, o que o governador precisa evitar é que o Fantástico se desloque para o Piauí com uma equipe perguntando "pra onde foi o dinheiro?".

O deputado Marden Menezes (PSDB) lembrou que a oposição acreditou no governo quando aprovou o empréstimo junto à Caixa, mas não poderia deixar de exercer a fiscalização. Portanto, quem deve explicações é o governo, não só aos órgãos de fiscalização mas acima de tudo ao povo.

O deputado Robert Rios (DEM) elogiou o orador pelo seu empenho na apuração das irregularidades na aplicação dos recursos do empréstimo. Ele aproveitou para criticar o senador Ciro Nogueira, que tenta passar para a opinião pública uma imagem de único parlamentar a conseguir recursos para o Piauí, quando se sabe que ele pulverizou esses recursos com fins eleitorais, sem que haja obras. O deputado Citou políticos como Petrônio Portella, Hugo Napoleão, Freitas Neto e Heráclito Fortes, que também conseguiram a liberação de recursos, sem nunca terem se envolvido em desvios.

O deputado Gustavo Neiva concluiu seu pronunciamento fazendo um apelo à bancada do governo, para deixar de acusar a oposição pela não liberação da segunda parcela do empréstimo. De forma irônica ele disse que o Governo está tão confuso que prometeu construir a estrada de Avelino Lopes com os recursos da segunda parcela do empréstimo, sem que a mesma esteja relacionada no plano de aplicação. Ele criticou também o fato de o governo ter calculado obras com valores acima da parcela por receber.

Veja também
Prefeito e vice
Vereadores
Mais lidas da semana
Empresas destaques
© Copyright 2018 - Portal Estado Piauí - Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium