Teresina - PI

Min 21ºMax 33º

21 de junho de 2018

Cocal

Cocal

Evaldo Neres Notícias de Cocal e Região

[email protected]

(86) 99919-1492

Postada em 05/06/2018 ás 00h19 - atualizada em 05/06/2018 ás 00h33
Policia encontra carro utilizado na fuga do marido assassino da professora Selene
O veículo supostamente usado na fuga do suspeito foi encontrado nessa segunda-feira (04).

Publicada por: Evaldo Neres

Fonte: Portal Catita

Policia encontra carro utilizado na fuga do marido assassino da professora Selene

Policia encontra carro utilizado na fuga do marido assassino da professora Selene

Foi apreendido no inicio da tarde desta segunda-feira, 04, no sitio bananeira no município de Cocal, o veículo supostamente usado na fuga do suspeito de feminicidio, Raimundo Neto Pereira. 

O automóvel modelo HB 20 estava com o tanque de combustível furado, consequência de colisão com uma pedra. O veículo foi rebocado para delegacia de policia de Luis Correia e em seguida  para o IML de Parnaíba para ser periciado. 

Duas pessoas foram detidas para prestar depoimento. Um mandado de prisão contra Raimundo Neto foi expedido pela Comarca Única de Luis Correia.

A polícia acredita que em breve o homicida será encontrado. E pede para quem tiver qualquer informação sobre o paradeiro do acusado entrar em contato que sua identidade será mantida em sigilo.

Relembrando o caso

Uma professora identificada como Selene Veras Roque, de 28 anos, foi assassinada na noite desse domingo (3) no povoado Brejinho, zona rural do município de Luís Correia, litoral do Piauí. Segundo o capitão Valdeci Galeno, da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTur), o principal suspeito é o marido da professora identificado como Raimundo Neto Pereira, de 32 anos.

De acordo com a Perícia Criminal, a mulher sofreu 26 perfurações de facão dentro da residência onde morava. O crime teria acontececido na cozinha. A PM informou que o crime aconteceu depois que o suspeito buscou a esposa em uma universidade de Parnaíba, cerca de 70 km distante da residência do casal.

“A informação que recebemos é que eles sempre discutiam, mas nada de muito grave. Após cometer o crime, ele correu na casa de um cunhado ao lado e chegou a confessar o que tinha feito. Mesmo sem repassar detalhes, ficou comprovada a confissão. Em seguida ele fugiu”, contou o capitão.

Ainda segundo a PM, o suspeito pode ter tido ajuda de alguém durante a fuga. O facão utilizado no crime foi apreendido dentro da residência do casal. As perfurações atingiram o pescoço, abdômen, tórax, braços e as costas da professora. Logo na entrada da casa a polícia registrou manchas de sangue pelo chão.

“Havia muito sangue no chão da casa. Pelo que analisamos, o esfaqueamento se iniciou na cozinha e terminou na copa. Havia lesões de defesa, principalmente nos braços”, disse a perita criminal, Marcela Sampaio.

O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal de Parnaíba. O suspeito é considerado foragido. (G1)

Veja também
Prefeito e vice
Vereadores
Mais lidas da semana
Empresas destaques
© Copyright 2018 - Portal Estado Piauí - Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium