Postada em 23/08/2018 ás 12h00 - atualizada em 23/08/2018 ás 12h08
Diretor da Adapi que foi ex-prefeito de Buriti dos Lopes e empresários são presos na Operação Escamoteamento
Estão sendo cumpridos sete mandados de prisão preventiva, seis mandados de prisão temporária e dezesseis de buscas e apreensões.

Publicada por: Redação Estado Piauí

Fonte: 180 graus

Diretor da Adapi que foi ex-prefeito de Buriti dos Lopes e empresários são presos na Operação Escamoteamento

Foto: Divulgação/PRF-PI

Foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (23/08) a 3ª fase da Operação Escamoteamento, que é um desdobramento da investigação iniciada no município de Cocal. A investigação tem como foco o desvio de recursos públicos da cidade de Buriti dos Lopes, onde algumas empresas e empresários da Serra da Ibiapaba no Ceará, juntamente com a participação de agentes públicos, desviaram recursos públicos entre os anos de 2013 e 2016.    

Estão sendo cumpridos sete mandados de prisão preventiva, seis mandados de prisão temporária e dezesseis de buscas e apreensões.

ÓRGÃOS ENVOLVIDOSA operação, que é comandada pelo GAECO (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Estado do Piauí), conta com o apoio e participação no cumprimento dos mandados, da Controladoria Geral da União, Tribunal de Contas do Estado do Piauí, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil do Piauí e Polícia Militar do Piauí, além do Ministério Público do Estado do Ceará.

BLOQUEIO DE BENSTambém foi requerido pelo Ministério Público do Piauí o bloqueio no total de R$ 8.388.822,64 de bens dos investigados, valor este inicialmente detectado de prejuízo ao erário.

Os referidos mandados foram expedidos pelo Juízo da Vara Única de Cocal.

FRAUDES NOS MUNICÍPIOSA Operação Escamoteamento teve como base fiscalização da CGU, que apurou a existência de empresas “fantasmas” contratadas de forma fraudulenta, entre 2013 e 2015, no município de Cocal (PI). Os desvios – que incidem sobre recursos federais, estaduais e municipais – tinham o envolvimento, conjunto e articulado, de servidores da Prefeitura e de representantes de empresas (sem capacidade operacional e algumas sem sede física). O prejuízo estimado, nas primeiras fases, é da ordem de R$ 18 milhões.

EX-PREFEITO É PRESOPoliciais cumpriram mandado de busca e apreensão nas residências do ex-prefeito de Buriti dos Lopes, Bernildo Val (PSD). Ele foi preso na sua casa na Zona Leste de Teresina e encaminhado para a sede da Greco.

Bernido é o atual diretor da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Piauí (Adapi) e foi prefeito de Buriti dos Lopes entre 2013 a 2016. Ele tentou a reeleição, mas acabou perdendo.

CINCO EMPRESÁRIOS JÁ FORAM PRESOSCinco empresários também foram presos na operação por associação criminosa, fraude em licitação, corrupção e lavagem de dinheiro.

Um dos empresários é Carlos Kenede Fortuna Araújo, que foi preso em outra fase da Escamoteamento, mas respondia em liberdade.

Funcionários públicos, um engenheiro e um ex-secretário de Viçosa (CE) também estão presos.

Veja também
Mais lidas da semana
Empresas destaques
© Copyright 2019 - Portal Estado Piauí - Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium