Postada em 30/03/2019 ás 10h54 - atualizada em 30/03/2019 ás 11h04
Prefeitura de Teresina e Banco do Brasil firmam parceria para melhorar produção de hortaliças
Parceria atenderá 1.396 famílias de horticultores

Publicada por: Redação Estado Piauí

Prefeitura de Teresina e Banco do Brasil firmam parceria para melhorar produção de hortaliças

Horticultores de Teresina receberão benefício para produzir com melhor qualidade. Foi lançado nesta sexta-feira (29), no Salão Nobre da Prefeitura de Teresina, o projeto de Apoio ao Desenvolvimento da Agricultura Agroecológica e Produção Orgânica de Hortaliças, da Superintendência de Desenvolvimento Rural (SDR), em parceria com a Fundação Banco do Brasil (FBB), que atenderá 1.396 famílias de horticultores através de obras de estruturação e aquisição de equipamentos para facilitar e expandir a produção.

“Estamos estabelecendo uma parceria com a Fundação Banco do Brasil que busca fortalecer a agricultura familiar e agricultura orgânica na zona rural de Teresina. Sabemos que a zona rural é grande, tem um potencial agrícola enorme, e essa parceria vai servir para que possamos qualificar e expandir os nossos campos agrícolas”, destacou o prefeito Firmino Filho.

Para a superintendente de Desenvolvimento Rural, Maria Vilani da Silva, essa parceria com o Banco do Brasil irá alavancar a agroecologia no município, beneficiando todas as comunidades rurais. “Vamos construir unidades de sanitização, galpão nas unidades de compostagem, comprar equipamentos, insumos, sementes, adubo orgânico. Vamos adquirir também caminhão, caçamba, trator, compostador, usina de processamento de coco verde, e com certeza, tudo isso irá impulsionar a nossa produção”, explicou.

As hortas agroecológicas de Teresina se destacam por produzir hortaliças sem o uso de agrotóxicos. Esse tipo de cultivo campesino é de grande importância para a sociedade, uma vez que possui como característica comum a sustentabilidade, produzindo assim hortaliças limpas, qualidade de vida, bem como geração de emprego e renda através de parcerias.

A representante dos produtores agrícolas da Serra do Gavião, Antônia Soares, destacou a importância do projeto para os horticultores. “É das vendas nas feiras da Rio Branco e da Universidade Federal, toda sexta-feira, que tiramos nosso dinheiro. E esse projeto para nós é uma coisa maravilhosa, porque vai facilitar muita coisa para a gente no campo. Vamos conseguir melhorar nossa produção de produtos saudáveis”, afirmou.

Segundo Asclepius Soares, presidente da FBB, é uma alegria firmar parceria com a Prefeitura de Teresina para desenvolver projetos na agroecologia. “Houve um casamento perfeito, porque é aquilo que fazemos na Fundação, mas também encontramos aqui na Prefeitura um poder público com esse interesse de promover a agroecologia, e de trabalhar com educação ambiental”, ressaltou.

O projeto será executado com recursos do convênio de cooperação financeira entre a Fundação Banco do Brasil e a Prefeitura de Teresina no valor de R$ 2.301.659,87, sendo R$ 2 milhões da FBB e R$ 331.659,87 de contrapartida do município.

Veja também
Mais lidas da semana
Empresas destaques
© Copyright 2019 - Portal Estado Piauí - Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium