Postada em 28/05/2019 ás 16h59 - atualizada em 28/05/2019 ás 22h04
Prefeito de Luzilândia esclarece o desligamento de funcionários na gestão
O Prefeito Ronaldo Gomes, esclareceu algumas notícias desagradáveis que tem sido divulgadas em redes sociais.

Publicada por: Redação Estado Piauí

Prefeito de Luzilândia esclarece o desligamento de funcionários na gestão

O Prefeito de Luzilândia, Ronaldo Gomes, esclareceu algumas notícias desagradáveis que tem sido divulgadas em redes sociais e portais locais, acerca do desligamentos de alguns funcionários da Gestão. Confira a nota:

Em primeiro lugar, lamento profundamente o fato de que os portais continuem incidindo no erro de não buscar o outro lado, no caso a versão do Governo de Luzilândia, a nossa resposta a tais notícias. Agora, quanto às saídas e os motivos pelos quais ocorreram, não é um fato desconhecido, é sabido por todos que a atual situação financeira do município é crítica, isso deve-se às diversas dívidas deixadas por gestões passadas, consequentemente levando à bloqueios, retenções, dívidas trabalhistas. Diante disso, sentimos na pele o quanto é doloroso tomar algumas medidas que desagradam quem sempre esteve ao nosso lado.  

No dia 28 de dezembro de 2018, obrigatoriamente tivemos que baixar um decreto no qual foram exonerados alguns funcionários (amigos), e com certeza foi uma decisão difícil de ser tomada, talvez uma das mais difíceis e dolorosas, porém inevitável. Agora, essa decisão se reflete da pior maneira, o que mais buscamos evitar foi essa exposição, não pela imagem do Governo, mas, porque tratam-se de pessoas próximas, que viveram e são sabedoras das lutas diárias que enfrentamos. 

Lamento que muitos tenham se entristecido com a medida, mas diante do atual cenário em que encontra-se o município, e buscando de alguma maneira o equilíbrio das contas, os salários em dia, e de um modo geral o compromisso com o funcionalismo público e com a população, tivemos que fazê-lo.

Não é uma justificativa essa carta, mas uma maneira de dizer que sentimos muito, pelos pais e mães de famílias, que tiveram que serem “desligados” do Governo. A trajetória é longa, e tem sido uma grande provação, decisões assertivas ou não, assim estamos na busca do melhor diante de um município falido.

Veja também
Mais lidas da semana
Empresas destaques
© Copyright 2019 - Portal Estado Piauí - Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium